O Evangelho de Jesus, alcançando o Mundo!

Spider

Escola Bíblica Discipuladora - 4º Trimestre 2018 - Lição 07

Canal Luísa Criativa

segunda-feira, 15 de outubro de 2018

MAÇONARIA E SEUS SÍMBOLOS... Parte 3

MAÇONARIA E SEUS SÍMBOLOS... Parte 3

O SÍMBOLO MAIS MALIGNO DE TODOS
Antes de deixarmos o assunto do emblema maçônico do Compasso e do Esquadro, quero mostrar-lhe um símbolo particularmente maligno que mostra o Compasso e o Esquadro.

Esta cena mostra várias imagens inegavelmente satânicas, associadas com o emblema maçônico do Compasso e do Esquadro. Primeiro, observe o hexagrama no canto esquerdo da figura. Lembre-se, o hexagrama é o mais maligno de todos os símbolos da Magia Negra. Os feiticeiros o utilizam há milhares de anos para lançar maldições; muitas pessoas já morreram por terem recebido essas maldições e feitiços. Segundo, observe o sol no alto da figura. Exatamente como faziam os antigos egípcios nos dias em que Deus os julgou por sua religião, lançando dez pragas sobre a terra do Egito, os maçons adoram ao sol em geral, e ao deus egípcio Rá, em particular. Finalmente, observe que o esquadro está fincado na Santa Bíblia embaixo. Como prova o autor cristão Ralph Epperson, em seu livro Masonry: Conspiracy Against Cristianity [Maçonaria: Conspiração Contra o Cristianismo], o maior segredo da Maçonaria não é a adoração a Satanás/Lúcifer; ao contrário, o maior segredo é que ela planeja erradicar totalmente o cristianismo, em completo cumprimento às profecias bíblicas sobre o final dos tempos! Este símbolo mostra esse objetivo perfeitamente.
SEXO NO TEMPLO MAÇÔNICO - E NA ROMÃ

  
“A loja é uma representação do templo do rei Salomão e o templo foi projetado de modo a simbolizar o corpo maternal humano, dentro do qual o candidato precisa entrar para nascer de novo. O útero e a vagina representam o pórtico do templo, os pilares do pórtico representam os trompas de Falópio, a rede, o ligamento com seus vasos sanguíneos correspondentes e a romã, o ovário e suas sementes exuberantes, os óvulos” [Rollin C. Blackmer, The Lodge and the Craft: A Pratical Explanation of the Work of Freemasonry (A Loja e a Arte: Uma Explicação Prática da Obra da Maçonaria), The Standard Masonic Publishing Co., 1923, pg 249; ênfase adicionada].
Primeiro, essa referência a “nascer de novo” não somente NÃO É bíblica, mas é blasfema e satânica. Os satanistas sempre tentaram ensinar uma falsa experiência do novo nascimento. Quando alguém no ocultismo passa pelo Ritual de Iniciação, e é erguido e puxado para fora, normalmente a partir de dentro de um caixão, é chamado de 'nascido de novo'. Observe que os maçons ensinam que uma pessoa nasce de novo por meio do templo maçônico, sem nenhuma menção ao sangue derramado de Jesus Cristo.
Segundo, a representação maçônica da romã é sexualmente explícita ao extremo. Para convencê-lo do paganismo da Maçonaria, vou mostrar essa representação aqui. Você pode ver que o modo como a romã foi cortada nesta figura, parece mostrar o órgão sexual da mulher. Neste símbolo ocultista da romã, você pode ver como algo tão simples pode ser interpretado como uma representação do sexo.
Essa obsessão dos maçons com o sexo é totalmente pagã e eles o representam em muitos de seus símbolos e dentro da Loja. Você pode imaginar um maçom pensando que está penetrando a vagina de uma mulher quando passa pelo pórtico do templo maçônico? É inacreditável!
A TOCHA E A ESTÁTUA DA LIBERDADE
Os satanistas sempre consideraram a tocha flamejante como um símbolo de Lúcifer. “Lúcifer, tendo recuperado sua estrela e seu diadema, organizará suas legiões para novas obras de criação. Atraídos pela tocha flamejante, os espíritos celestiais descerão... e ele enviará esses mensageiros de esferas desconhecidas para a Terra. Então, a tocha de Lúcifer sinalizará 'Dos Céus à Terra! -- e o Cristo da Nova Era responderá, 'Da Terra aos Céus!'” [ocultista Edourd Schure, citado por Texe Marrs, Mystery Mark of the New Age (A Marca de Mistério da Nova Era), pg. 240].
Esta explicação do simbolismo da tocha é a crença luciferiana de que, na Batalha do Armagedom, Lúcifer e suas forças derrotarão Jesus Cristo e depois invadirão e conquistarão os Céus. Assim, a tocha significa a crença que Lúcifer no final derrotará Jesus Cristo.
O autor Mainly P. Hall, maçom de Grau 33, diz que “as tochas representam as artes e ciências ocultas, as doutrinas e dogmas, por meio da luz das quais a Verdade torna-se visível” [Hall, Freemasonry of the Ancient Egyptians to Which is Added an Interpretation of the Crata Repoa Initiation Rite, The Philosophers Press, 1937, pg 122].
Achamos também muito interessante que uma das principais editoras maçônicas chame-se The Torch Press [Editora Tocha].
Sabemos também pela história que a Estátua da Liberdade foi oferecida ao povo americano pelos maçons iluministas franceses em 1876. “Do alto, diante das águas que brilham, apesar de poluídas, a estátua segura com seu braço erguido uma tocha de fogo e de luz. Um presente da ordem maçônica, os modernos herdeiros da tradição Iluminista, a Estátua da Liberdade foi esculpida por Frederic Bartholdi, um membro da loja maçônica da Alsácia-Lorena em Paris, França. A estátua tem um significado importante para as sociedades secretas que estão planejando o estabelecimento da Nova Ordem Mundial” [Texe Marrs, Dark Majesty: The Secret Brotherhood and the Magic of a Thousand Points of Light, pg. 212].
O modelo da Estátua da Liberdade, mostrado na fotografia anterior, é a versão em terracota construída pelo escultor maçom em 1870.
No satanismo, virtualmente qualquer símbolo perpendicular é o falo, de modo que a tocha pode ser considerada como tal; na verdade, alguém até pode imaginar, pelas explicações anteriores, que a tocha é o falo de Lúcifer, se o ocultista realmente crê que a tocha é um símbolo do deus. A deusa que segura a tocha é um bom símbolo feminino. Assim, a Maçonaria representa o ato sexual todos os dias do ano, na baia de Nova York.
SEXO E O MALHETE MAÇÔNICO

  
“O malhete é um símbolo importante na Maçonaria e na Estrela do Oriente” [Dr. C. Burns, Masonic and Occult Symbols (Símbolos Maçônicos e Ocultistas), pg. 326].
A primeira coisa que observo no símbolo do malhete é que ele sempre é mostrado de cabeça para baixo. Sempre achei que o correto seria representá-lo com a cabeça para cima. No entanto, não estamos pensando como um pagão, que adora ao sexo em todas as formas e nunca perde uma oportunidade de retratar o grande ato sexual.
O autor maçônico George Oliver, diz que nos tempos antigos, o malhete representava o martelo do deus Thor [Oliver, Signs and Symbols (Sinais e Símbolos), Macoy Pubishing and Masonic Supply Co., 1906, pg. 14]. Sabemos que Thor é um antigo deus pagão, a quem os maçons veneram. Na verdade, Thor é parte da trindade pagã escadinava [Pike, Morals and Dogma, pg 552; também W. L. Wilmshurst, The Masonic Initiation (A Iniciação Maçônica), Trismegistus Press, 1980, pg. 92].
No entanto, Albert Pike facilita a identificação de Thor para nós, pois na página 15 de Morals and Dogma, diz que Thor é outro nome para Sírius, a Estrela Flamígera, ou o Pentagrama. No entanto, na página 381, também diz que Thor ERA o Sol, o Osíris egípcio, e Kneph, o Bel ou Baal fenício. A Bíblia nos diz que a adoração a Baal é idêntica à adoração ao Diabo (1º Reis 16.30-33, 22.53-54; 2º Reis 17.16). Deus condenou a adoração a Baal, ordenou que os sacerdotes e profetas de Baal fossem executados, e finalmente a exterminou totalmente de Israel (veja 2º Reis 10.23-28). No entanto, aqui, a Maçonaria afirma claramente que reverencia a Baal.
Voltemos, porém, ao assunto em discussão, isto é, as conotações sexuais dos símbolos maçônicos. O autor maçom J. S. M. Ward afirma, “Assim, vemos que o martelo ou malhete, e o Tau eram originariamente os mesmos, e essa é a evolução natural dos símbolos, pois a cruz em forma de Tau evoluiu a partir do Falo, que é o símbolo de Deus, o Criador” [Ward, Fremasonry and the Ancient Gods (Maçonaria e os Deuses Antigos), 1921, pg. 238].
Os autores maçons admitirem que adoram a criatura e não ao Criador (veja Romanos 1.25), pois isso faz em milhões de pedaços suas pretenções de serem cristãos. Nessa afirmação acima, vemos uma grande blasfêmia contra Deus. Aqui, o autor maçônico diz que o Falo é um símbolo de Deus, o Criador! Em seus Dez Mandamentos, Deus deixa bem claro que não quer que o homem o represente por nenhuma criatura em todo o mundo. Em Êxodo 20, Deus dá uma lista de símbolos pelos quais não quer que o homem o represente. Embora o falo não esteja mencionado ali, é claro que Deus também não quer que o homem pense nele como um pênis!
No entanto, Ward ainda não terminou com este assunto, e prosseguindo, explica o motivo pelo qual o malhete sempre é representado de cabeça para baixo. “Mas este não é o único lugar onde a cruz em forma de tau ocorre. Os malhetes são todos cruzes em forma de tau, e combinam em um símbolo o martelo, que é o sinal de autoridade, e a cruz em forma de T, o símbolo do homem ou o lado criativo da Deidade; assim, para que não haja qualquer engano, o T é colocado no avental do Mestre da Loja, embora de cabeça para baixo para ser o símbolo do esquadro e também para enfatizar o significado fálico” [Ibidem, ênfase adicionada].
Quando discutimos o Triângulo e o Hexagrama, mostramos uma cruz em forma de T, dentro de um triângulo e um círculo. Recomendamos que você reveja a figura agora. A cruz em forma de T foi originalmente criada na adoração ao deus babilônio Tamuz, que no capítulo 8 de Ezequiel é chamada de abominação. Novamente, vemos que a Maçonaria está sempre se alinhando contra Deus, e a favor do paganismo de Satanás. Apesar disso, a máquina de propaganda maçônica continua a promover a crença contrária, de que a Maçonaria é cristã.
SEXO NO FINAL DO ARCO-ÍRIS MAÇÔNICO

  
O autor maçom, George Oliver diz, “É admirável que em todos os sistemas antigos de mitologia, o Grande Pai, ou o Princípio Masculino Generativo [Falo] era uniformemente simbolizado por um ponto dentro de um círculo. Esse emblema foi colocado pelos sacerdotes e poetas escadinavos no ponto central mais alto de um arco-íris, que na fábula era a ponte que levava da terra [a Vulva Feminina] ao céus [o Falo do Grande Pai]. [Oliver, Signs and Symbols, Macoy Publishing and Masonic Supply Co., pg. 14; também em R. Swinburne, The Mysteries of Osiris or Ancient Egyptian Initiations (Os Mistérios de Osíris ou as Antigas Iniciações Egípcias, pg 185].

Um autor cristão explica essa afirmação um tanto obscura sobre a simbologia sexual do arco-íris. “Na antiga Cabala judaica os rabinos místicos ensinavam que o arco-íris representava um rito sexual. O arco nos céus era considerado o falo do deus masculino, que descia ao reino do útero da rainha ou da deusa. Acreditava-se que a união criava imensos poderes divinos” [Texe Marrs, Mystery Mark of the New Age (A Marca de Mistério da Nova Era), pg. 97].

SEXO NA CRUZ E NA COROA

  
A maioria dos cristãos não teria dificuldades em aceitar a Cruz e a Coroa como um símbolo cristão aqui. Afinal, nosso Salvador e Senhor Jesus Cristo recebeu sua coroa nos céus após sofrer a agonia da cruz. No entanto, os maçons têm um pouco mais em suas mentes do que isso; têm muito sexo em seus cérebros.
No The Masonic Report, fizemos esta descoberta: “Pergunta: O que o emblema maçônico da 'Cruz e da Coroa' realmente simboliza? Resposta: A 'Cruz' da Maçonaria é uma cruz filosófica, de acordo com o livro Morals and Dogma, de Albert Pike, página 771. É filosófica no sentido que representa o princípio de fecundação generativa pela tábua perpendicular [o Falo] e a matriz do útero da natureza, o princípio produtor feminino [a Vulva], a tábua horizontal. A filosofia da cruz maçônica é totalmente fálica. A 'Cruz' desse emblema maçônico também é fálica, sendo a primeira emanação do Sefirot cabalístico...” [C. F. McQuaig, The Masonic Report, Georgia, Answer Books and Tapes, 1976, pg. 34].

Veja o que fizeram com a preciosa cruz de Jesus Cristo! Como se atrevem a torná-la em um símbolo fálico? Além disso, como se atrevem a transformar a preciosa coroa de Jesus Cristo em um símbolo fálico? Na verdade, a Cruz foi transformada em um símbolo de todo o Ato Sexual - relação heterossexual - imaginando que a tábua perpendicular seja o falo e a horizontal seja o órgão sexual feminino!
Um fato a observar de passagem é que essa citação foi tirada de uma publicação maçônica oficial e recente, de 1976, e que cita Albert Pike como um autoridade maçônica. Freqüentemente, recebemos mensagens de correio eletrônico de maçons afirmando que Albert Pike está desacreditado na Maçonaria atual, e alguns até sugerem que um Albert Pike 'rebelado' escreveu Morals and Dogma e Magnum Opus. Podemos ver agora que isso é simplesmente uma mentira destinada a confundir.
Certamente agora você pode ver que a Maçonaria não é cristã. Segundo, pode ver que ela é realmente “idêntica aos mistérios antigos”. Na verdade, um autor maçom teve a coragem de dizer que a Maçonaria é, realmente, uma Religião de Mistério. Veja: “Na verdade, o respeito que o maçom dá a esse número [3] sugere que nossos mistérios têm afinidades não somente com os ritos e cerimônias egípcias, mas com aqueles de muitas outras boas nações” [John T. Lawrence, The Perfect Ashlar, Inglaterra, 1912, pg. 196].
Muito obrigado, sr. Lawrence, por clarificar essa questão para nós e para todos aqueles que estão interessados na verdade. De acordo com a própria admissão deles, a Maçonaria é uma Religião de Mistérios. Toda Religião de Mistérios na história teve várias coisas em comum:
1. Servia a Satanás, abertamente, na maior parte das vezes.
2. Rejeitava o Único Deus Verdadeiro, da Bíblia.
3. Deus trouxe cada uma dessas Religiões de Mistérios ao julgamento físico. Com a Maçonaria não será diferente, mas ela receberá seu julgamento junto com o Anticristo.
As perversões sexuais desses símbolos maçônicos devem convencer a qualquer pessoa que a Maçonaria não é cristã.
Verdadeiramente, o final dos tempos está vindo sobre nós.
Fazemos uma advertência a todas as igrejas cristãs e aos pastores que estão envolvidos na Maçonaria. “Retirai-vos dela, povo meu, para não serdes cúmplices em seus pecados, e para não participardes dos seus flagelos; porque os seus pecados se acumularam até ao céu, e Deus se lembrou do atos iníquos que ela praticou". Essa advertência é do próprio Senhor Jesus Cristo, de modo que você deve encará-la com muita seriedade, se dá valor a sua alma eterna.
Agora, vejam-se os túmulos de um dos líderes da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (Mórmons), Heber Kimball, e do fundador das Testemunhas de Jeová, Charles T. Russel.
Heber Kimball (líder mórmon)
A prova definitiva do profundo envolvimento de Russell com a piramidologia. Trata-se de seu túmulo:
É absolutamente inquietante que um símbolo do deus sol egípcio, o sol, apareça no jazigo onde foram sepultados Tiago e Ellen White.

FONTE DE PESQUISA 

1.      BÍBLIA EXPLICADA, S.E.McNair, 4ª Edição, CPAD, Rio de Janeiro RJ.
2.      BÍBLIA PENTECOSTAL, Traduzida por João Ferreira de Almeida. Revista e Corrigida, Edição 1995, CPAD, Rio de Janeiro RJ.
3.      BÍBLIA SHEDD, Traduzida por João Ferreira de Almeida. Revista e Atualizada no Brasil – 2ª Edição, Sociedade Bíblica do Brasil, Barueri, SP.
4.      BÍBLIA DE ESTUDO PLENITUDE, Traduzida por João Ferreira de Almeida. Revista e Corrigida, 1995, Sociedade Bíblica do Brasil, Barueri, SP.
5.      CLAUDIONOR CORRÊA DE ANDRADE, Dicionário Teológico, p. 286, 8ª Edição, Ed. CPAD, Rio de janeiro, RJ.
6.      CLEMAR GONÇALVES, maçonaria: Duas organiações, uma visível, outra invisível, http://www.espada.eti.br/free001a.asp - acesso dia 25/02/2009.
7.      DAVID BAY, Tradução: JEREMIAS R D P DOS SANTOS, Provamos Conclusivamente Que a Maçonaria Adora a Lúcifer http://www.jesussite.com.br/acervo.asp?id=186 – acesso dia 06/03/2009.
8.      DAVID BAY. Fonte Maçônica confirma nosso artigo “Simbolos maçônicos de poder no trono do poder”. http://www.oapocalipse.com/home/estudos/religiao_fonte_maconica_con...  [Acesso dia 11/07/2013]
9.      DELVACYR BASTOS, seitas e heresias, Escola Teológica Filadélfia, Cascavel PR, Email - prdelvacyr@hotmail.com.
10.  EDUARDO PEREZ NETO, a maçonaria, a Espada do Espírito, sites http://www.espada.eti.br/n2001.asp, - http://www.espada.eti.br/n1243.asp acesso 09/12/2008
11.   EDUARDO PEREZ NETO, a herança maçônica dos EUA, http://www.espada.eti.br/n1986.asp, acesso dia 12/12/2008.
12.  EDUARDO PEREZ NETO, Religião Mundial Já Está Quase Formada - A Organização da Maçonaria Está Preparando o Caminho! http://www.espada.eti.br/n1243.asp - acesso dia 25/02/2009.
13.  EDUARDO PEREZ NETO, O Impacto da Maçonaria na Igreja, http://www.espada.eti.br/efesios5-11.asp - acesso dia 06/03/2009.
14.  Fontes Satânicas Afirmam Que os Cavaleiros Templários Eram Satânicos! Mais Evidência Que a Maçonaria Também Seja Satânica! http://www.jesussite.com.br/acervo.asp?id=179 [acesso 10/07/2013].
15.  FRANCISCO DA SILVEIRA BUENO, Dicionário Escolar da Língua Portuguesa, 11 ª Edição, FAE, Rio de Janeiro RJ.
16.  GILMAR SANTOS. Teologia Sistemática. Faculdade de Teologia de Goiânia.
17.  HISTÓRIA DA TORRE DE BABEL, www.historiadomundo.com.br/babilonia/torre-babel/ - acesso dia 19/05/2009.
18.  JEREMIAS R D P DOS SANTOS, Provamos Conclusivamente Que a Maçonaria Adora a Lúcifer, publicado em 2/11/2002, http://www.espada.eti.br/
19.  JOSÉ ELIAS CROCE, Lições bíblicas, 1º trimestre 2000, Ed. Betel.
20.  JOSÉ FERRAZ, Apostila sobre a Nova Era, apostila extraída da internet.
21.  JOHN LANDERS, Religiões mundiais, Juerp, Rio de Janeiro, 3ª Edição, 1994.
22.  MAC DOMINICK, A Maçonaria Realmente é Uma Religião, http://www.espada.eti.br/n1144.asp - acesso 24/02/2009.
23.  PAULO CÉSAR SEMBLANO DA COSTA, Pelo Lado de Fora É uma Igreja Evangélica — Por Dentro Está Adornada com Chocantes Símbolos Ocultistas, http://www.espada.eti.br/n2174.asp - acesso dia 11/03/2009.
24.  RAIMUNDO OLIVEIRA, Heresiologia – 2ª Edição – EETAD, São Paulo SP.
25.  RAIMUNDO OLIVEIRA, Lições Bíblicas, 1º Trimestre de 1986, Ed. CPAD, Rio de Janeiro, RJ.
26.  RAPHAEL S LINHARES, Maçonaria, “A Nova Ordem das Épocas” - A Nova Ordem Mundial: http://www.espada.eti.br/n2001.asp - acesso dia 26/02/2009.
27.  RELIGIÕES E SEITAS. IBADEP. 1ª Edição, 2003, Site, www.ibadep.com
28.  RELIGIÕES MUNDIAIS, Seminário Teológico AMID, Cascavel, PR - e-mail: se.amid@hotmail.com
29.  RON RIFFE, maçonaria, a Espada do Espírito, http://www.espada.eti.br/n2001.asp, acesso 09/12/2008.
30.  SIMBOLOS MAÇÔNICOS, http://intellectus-site.com/site2/images/MasonicStructure.gif - Acesso dia 21/05/2009.
31.  SEITE – INTELLECTUS, A maçonaria, braço direito do diabo, http://intellectus-site.com/site2/artigos/maconaria-braco-direito-d... acesso dia 24/03/2009.
32.  SEITAS E HERESIAS, Escola de educação teológica Elohim, São Paulo, SP.
33.  SÉRIE APOLOGÉTICA, ICP, Volomes I ao VI, Instituto Cristã de Pesquisa, Site, www.icp.com.br
34.  SEITAS E HERESIAS, SEAMID, Cascavel – PR, se.amid@ho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Renascimento Cientifico

Renascimento Cientifico O  Renascimento Científico  foi um período de desenvolvimento da ciência (astronomia, matemática, física, quím...